sábado, 27 de maio de 2017

MODA EVANGÉLICA!

6 comentários: | |

Muitas de vocês amam falar de moda (assim como eu) então vamos falar do que amamos? As pessoas dizem que nós somos antiquadas por usarmos saias no tamanho dos joelhos e chamam de “saia de velha” e eu confesso, também tive essa fase de não gostar de saias no limite do joelho e amava saias um pouco curtas mas nunca fui de exagerar no limite, mas de um tempo pra cá eu venho observando que muitas pessoas estão aderindo aos looks que antigamente nós sofríamos preconceito e que muitas roupas estão na moda e resolvi mudar meu estilo e assim eu fui abandonado meus antigos pensamentos e aderindo a novos olhares e vou compartilhar com vocês alguns modelos de roupas que nos fazem lindas sem ser vulgar e nem fugir dos nossos preceitos.
·         
     VESTIDOS: É queridinho de muitas evangélicas e existem muitos modelos para todos os gostos para que seja de acordo com o nosso estilo, vou deixar alguns exemplos para vocês!
 

1 – É mais soltinho e tem o detalhe do cinto que se complementa com o lacinho. Esse tipo de modelo é mais usado por aquelas meninas que tem o estilo mais romântico e também serve para aquelas que não gostam muito de roupas que se ajustam no corpo, mas também pode ser usado por qualquer uma pessoa.
2 – O vestido número 2 ele se ajusta no corpo e no final do vestido ele se solta, ele serve para ser usado por qualquer pessoa que não dispensa um vestidinho que modele as curvas sem vulgarizar o seu corpo e nem mostrar nada demais. Eu amei a combinação do verde tiffany com o rosa que vem com a “clutch” que é essa bolsa de mão e ainda vem com o sapato de mesma cor.

·         CONJUNTOS: Esse look é usado por todas as mulheres e muitas gostam dele por que ele é mais versátil que podemos brincar com as estampas se a blusa tiver estampa e se ela for “lisa” nós podemos fazer muitas combinações de cores.


 



1 – Esse conjunto bem bonito tem uma blusa branca com um detalhe acima da cintura que se complementa com a saia que são da mesma estampa.
2 – Já esse look, vestido pela Aline Barros que é uma das grandes cantoras do segmento gospel, é diferente do segundo, pois esse nos mostra saia e blusa da mesma cor e é muito usado também.
3 – O terceiro, já é diferente do primeiro e do segundo, pois ele tem blusa e saia diferentes, mas o que complementa um ao outro é que a saia tem alguns detalhes brancos bem lá no fundo e lembra a cor da blusa que também aparece na cor da sandália.
4 – Você pode perceber que o último look é parecido com o segundo mas eu o trouxe aqui para que vocês percebam a diferença, pois no segundo o tecido é mais leve e solto mas o quarto tem aquele tecido que aparenta ser bem encorpado e bem  justo.

quinta-feira, 25 de maio de 2017

A VIDA É COMO UM RIO!

12 comentários: | |
Estava refletindo e cheguei à conclusão que a vida é como um rio, você não pode pisar duas vezes na mesma água, assim como nós não podemos voltar atrás e vivermos algum momento que tanto nos marcou e agora o que nos resta são as lembranças de um passado que vivemos em águas cristalinas ou poluídas de acordo com seus atos. Como nós, a água segue um caminho, mas nós temos o poder de escolha e podemos escolher qual caminho seguir, mas a água sempre tem um caminho determinado pelo criador ou modificado pela mão do homem e assim a vida segue.
Irmãos crescem juntos, mas quando casam cada um se une a sua família e não existe mais aquela união como nos tempos de infância que tanto aproveitávamos e não sabíamos o quanto era bom que ficávamos na cabeça para que possamos crescer mais rápido, mas não imaginávamos que a vida quando crescêssemos seria tão difícil.

terça-feira, 23 de maio de 2017

2 comentários: | |

OI Gente! Essa sou eu, Dayane Vaz, atualmente sou casada e já tive vários blogs. Tive um que era sobre garotas que se chamava: "Fé para garotas" mas eu achava ruim porque as vezes queria escrever outros temas mas devido a esse título eu não tinha total liberdade e então tive a ideia de colocar o título para "jovens com Deus" mas eu ainda ficava presa nesse mesmo caso pois queria colocar outras coisas mas passava pelo mesmo dilema.